30 julho 2010

Pedidos

Pai,
Livrai-me do mal e do temor,
Da fraqueza e da incapacidade.
Mãe,
Traz-me a compreensão e o carinho
A delicadeza e a precisão.
Tempo,
Deixa-me os calos e as feridas,
As minhas lembranças mais sofridas.
Futuro,
Guarda-me acalanto para o sorriso
E descanso para o que penei a aprender.
Vida,
Dê-me sempre continuidade
Pois é o que mais preciso para o próximo pedido,
Amor...
Deixa comigo as cores de uma vida sem medo,
Sejamos agora capazes de brincar de liberdade.
Usar da capacidade e da compreensão,
Da vida junto ao tempo pra escrever o futuro...
Meu futuro que agora está em suas mãos.


Camila Oaquim.

3 comentários:

InsanTas disse...

AMEEEEEEEEEEEEEEEI! que isso!
Lindo, singelo, direto ao ponto, leve, romântico e um pouquinho de melancolia :)
Adorei!

Isabela Moraes disse...

Camila, muito bom mesmo.
Sincero, gostoso de ler, e sentimental.
Beijos. Continue escrevendo. Sempre.

Caio Sereno disse...

Não tem nem como evitar o amor num texto né? Ê menina apaixonada! hahahaha ... Gostei bastante do jeito que você escreveu esse... Esperando o próximo! Beijos.

Postar um comentário