16 setembro 2009

Te ver bem.

Esta se cala em quanto alguém chora,
não por indiferença, talvez por medo, quem sabe!?
mas que fique claro que não agir não é o mesmo de não sentir..
por mais silêncio que possa haver,sabes que não quero te ver sofrer.
Em quanto uns se apaixonam e outros se afastam
esta simplesmente acompanha os fatos..
e pra ser bem franca, não sabe por quê tanto incômodo
mas o que quer é te ver sorrir,
não um sorriso sem motivos, só pra fingir pra si mesma que está bem,
de ti quer alegria, quer sorrisos incontroláveis,coisas que vão além,
de ti quer certezas, quer o certo, quer o não errar..
quer que você seja feliz com ou sem alguém pra amar.
O tempo voa, a vida continua e tudo há de passar,
esta não sabe se você irá compreender,
mas sabe que uma hora entenderá.
Precisava muito declarar este gostar..
gostar sem interesses, sem segundas intenções,
sem motivos, mas cheio de exclamações.
Amanhã é um novo dia, e outros novos dias também vão raiar,
conte com esta, e tenha certeza que tem em quem confiar.

Camila Oaquim.

4 comentários:

Chazzy Chazz disse...

P**a das galáxias, ta cada dia mais interessante esse blog, um dos poucos que eu ainda paro pra comentar, teu poema tah simplesmente, apaixonante, sem palavras, to aqui com varias Senas, ASHAHAAHHAH, passando pela minha cabeça... sem dúvida tem futuro essa tal de Camilão

Whiskley Lee disse...

Lindo, lindo, lindo, lindo, lindo ...

Vc leu minha alma...vc leu minha vida...
o silêncio foi minha melhor dica.

Tudo o que vc escreveu é o meu momento...
geeeeeeeeeeeeeeente...te amo<3

Daniel Braga disse...

Nháà.. novos dias sempre irão raiar... basta que nós façamos dele um dia diferente na nossa vida =)

~Adorei, até a próxima. Comenta no meu também.

*DB*

B. disse...

Lindo!

Postar um comentário