07 dezembro 2009

Trato.

Eu posso ir agora e não voltar,
Posso sumir da sua vida, não mais ligar.
Eu posso fingir indiferença,
Posso parecer ser nada do que você pensa,

Mas é isso que você quer?
Quer que eu vá para outra direção ?
Se não faço diferença, me faz acreditar que é tudo ilusão
Ou que é tudo bobeira desse meu pobre coração.

Olha nos meus olhos,
Diz que não sou eu quem te faz sorrir.
Façamos um trato,
Se não faço falta te deixo ir.

Mas se em algum lugar,
Por mais escondido que seja no seu coração
Há algum sentimento, alguma emoção,
Diz pra mim, não me deixe nessa frustração.

Não tenho medo de enfrentar seus medos,
Só existe em mim um temor,
Que eu pense tudo errado..
E que não seja dona de nem um pouquinho do seu amor.

Camila Oaquim.

5 comentários:

Nova Quahog disse...

PQ AS PESSOAS ESCREVEM TANTO...TAO BEM!

Vicky Guarino disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Vicky Guarino disse...

ooii camila !!
noossa, sua interpretação de casa nova foi demais ! hahaha
mas enfim, eu gostei do seu blog e desse texto !

beijinhos e volte sempre

Nathalie disse...

que cool cara

Dezinhoboy disse...

Que inspiração, muito bacana o texto (poema)

Postar um comentário